Assembleia Legislativa do Amazonas Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Economia Educação Energia Esporte Eventos Meio Ambiente
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
15/03/2018 | 21:10 - Roraima / Energia

RR. Privatização do setor elétrico será tema de audiência pública, nesta sexta-feira, 16

Divulgação

“A quem interessa? Quem ganha com a privatização? O povo ou o empresário? É classe política que está por trás defendendo a ideologia da privatização? São esses questionamentos que queremos fazer na sexta-feira. Para isso convidamos toda a bancada federal, deputados e senadores, os servidores do setor elétrico no Estado, as entidades sindicais, associações e toda a sociedade civil organizada”, disse.

 

A privatização do setor elétrico no país, que acaba afetando a Eletrobras Distribuição Roraima, será tema de uma audiência pública nesta sexta-feira, 16, às 9h, no plenário Deputada Irmã Noêmia Bastos da Assembleia Legislativa (ALERR). A audiência foi requerida pelo deputado Soldado Sampaio (PCdoB).

“Precisamos aprofundar essa discussão para saber, de fato, se isso é ou não a melhor alternativa que temos para o setor elétrico do País, em especial para o consumidor final de Roraima. O que isso representa de melhoria? Haverá desemprego? O que se significa para as comunidades isoladas, os ribeirinhos e a população rural?”, indagou o parlamentar, ao salientar que esses questionamentos precisam ser esclarecidos e que a finalidade da audiência é exatamente trazer à tona os vários ângulos que envolvem a questão.

Muitas comunidades isoladas, segundo o parlamentar, hoje ainda não têm acesso à energia elétrica, mesmo as concessionárias e distribuidoras sendo controlados pelo Poder público. “Essa privatização vai fazer com que essas pessoas tenham acesso à energia elétrica? Afinal, energia elétrica é também cidadania, dignidade e inclusão social. A gente fica preocupado com o setor privado de vir a ser apenas uma empresa na busca de lucros e lucros e mais lucros”, argumentou.

No entendimento do parlamentar, por ser vetor de desenvolvimento, a energia elétrica tem que ser uma preocupação de todos. Por ser um setor que movimenta muito dinheiro. Sampaio chama a atenção da população para os atores que defendem o processo de privatização.

“A quem interessa? Quem ganha com a privatização? O povo ou o empresário? É classe política que está por trás defendendo a ideologia da privatização? São esses questionamentos que queremos fazer na sexta-feira. Para isso convidamos toda a bancada federal, deputados e senadores, os servidores do setor elétrico no Estado, as entidades sindicais, associações e toda a sociedade civil organizada”, disse.

Sampaio enfatizou que vê com muita preocupação as privatizações de um modo geral, em especial as que oferecem serviços essenciais, como é o caso da Eletrobras Distribuição Roraima. A análise dele está pautada na visão de mercado, que presta serviços com vistas a auferir lucros.

“Não podemos abrir mão do potencial que é o setor elétrico no país, extremamente estratégico, sendo até uma questão de soberania nacional. Eu sou contra! Em especial, com a preocupação dessa energia não chegar às pessoas mais carentes. Sabemos que a energia só foi integralizada no Brasil e para o Estado de Roraima com a iniciativa do governo federal por meio do programa Luz Para Todos. Sabemos também que empresas privadas só vão onde há lucro. Portanto, não se tem interesse em levar energia para os ribeirinhos, as comunidades indígenas e rurais, porque o investimento feito não compensa com o retorno da energia paga por essas comunidades”, avaliou.

ALERR

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2018 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença