Assembleia Legislativa do Amazonas Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Economia Educação Energia Esporte Eventos Meio Ambiente
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
13/06/2018 | 08:09 - Internacional / Esporte

Copa 2018 - Quanto a FIFA fatura com a Copa do Mundo?

AP Photo/Lee Jin-man

Em 2014, na edição da competição realizada no Brasil, a Fifa recebeu US$ 4,8 bilhões, sendo a maior parte vinda de direitos de transmissão, cerca de US$ 2,5 bilhões, marketing, com US$ 1,5 bi, ingressos para jogos, com US$ 527 milhões, direitos de hospitalidade, US$ 185 milhões, e concessões de licenças para exploração comercial, US$ 107 milhões.

 

Apontada como a federação mais rica do mundo, a Fifa fatura uma verdadeira fortuna com a Copa do Mundo, evento que acontece a cada quatro anos. O dinheiro vem de contratos de direitos de TV, publicitários, de marketing e, é claro, com a venda de ingressos. Mas qual será o faturamento deste ano?

Em 2014, na edição da competição realizada no Brasil, a Fifa recebeu US$ 4,8 bilhões, sendo a maior parte vinda de direitos de transmissão, cerca de US$ 2,5 bilhões, marketing, com US$ 1,5 bi, ingressos para jogos, com US$ 527 milhões, direitos de hospitalidade, US$ 185 milhões, e concessões de licenças para exploração comercial, US$ 107 milhões.

Para este ano, a expectativa é de que o faturamento seja ainda mai alto. De acordo com Gianni Infantino, presidente da Fifa, a expectativa é de que as receitas “do ciclo 2015-2018 devem superar a previsão de US$ 5,6 bilhões”.

Custos

Apesar do lucro, realizar uma copa custa caro. Sem considerar os gastos de construção de estádios e desenvolvimento de infraestrutura para a competição, a Fifa desembolsa cerca de US$ 2 bilhões para a realização do evento. Na copa de 2014, os gastos foram ligeiramente maiores, ultrapassando os US$ 2,2 bilhões, mais do que os US$ 1,9 que deve custar o evento na Rússia. Entenda como esse dinheiro é gasto:

A maior parte da verba vai para o funcionamento do Comitê de Organização Local, que custou, em 2014, US$ 453 milhões e deve custar neste ano US$ 627 milhões.

A produção de TV custará neste ano cerca de US$ 240 milhões, menos do que os US$ 370 milhões gastos no Brasil. O alojamento das seleções sai por US$ 40 milhões, menos do que os US$ 48 milhões gastos na preparação dos times. Os seguros e compensações para os clubes que disponibilizam seus jogadores é de US$ 32 milhões e US$ 209 milhões, respectivamente. 

FIFA

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2018 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença