Assembleia Legislativa do Amazonas Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Economia Educação Energia Esporte Eventos Meio Ambiente
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
24/06/2019 | 18:27 - Amazonas / Câmara Municipal de Manaus

AM. PL prevê inclusão da Língua Brasileira de Sinais na grade curricular de escolas em Manaus

Robervaldo Rocha - Dircom/CMM

“Estima-se que a cidade de Manaus possua mais de 80 mil pessoas surdas e o nosso projeto é visando o futuro de uma nova geração que vai aprender desde criança a linguagem de sinais. Assim vamos agregar cada vez mais a comunidade surda na sociedade. A Libras é a segunda língua oficial do país e temos o objetivo de fazer de Manaus modelo novamente para o Brasil”, afirma André Luiz.

 

Todas as escolas da rede municipal de educação terão a disciplina da Língua Brasileira de Sinais (Libras) em sua grade curricular ao ser aprovado o Projeto de Lei Nº 255/2019, apresentado pelo vereador André Luiz (PTC) na Câmara Municipal de Manaus (CMM). O projeto segue em tramitação e está previsto para deliberação em plenário após o recesso parlamentar.

“Estima-se que a cidade de Manaus possua mais de 80 mil pessoas surdas e o nosso projeto é visando o futuro de uma nova geração que vai aprender desde criança a linguagem de sinais. Assim vamos agregar cada vez mais a comunidade surda na sociedade. A Libras é a segunda língua oficial do país e temos o objetivo de fazer de Manaus modelo novamente para o Brasil”, afirma André Luiz.

De acordo com o vereador, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) deverá promover cursos de formação de professores para oferecer desde a educação infantil, o ensino e o uso de Libras na sala de aula; cursos de tradução e interpretação da língua de sinais para a Língua Portuguesa e o ensino da Língua Portuguesa como segunda língua para pessoas surdas.

“A nossa ideia é contribuir para uma maior acessibilidade das nossas crianças surdas ao apresentar o ensino de Libras e da Língua Portuguesa de uma forma funcional e prática logo nos primeiros anos escolares. No decorrer do Ensino Fundamental os dois idiomas aparecerão como disciplina curricular. À Semed ficará facultada a inclusão de um professor de Libras viabilizando o acesso à comunicação, informação e educação de alunos surdos”, explica André Luiz 

CMM

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2019 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença