Amazônia Assembleia Legislativa do Amazonas Brasília Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Cotidiano Economia Educação Energia
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
01/08/2019 | 19:38 - Amazonas / Economia

AM. Governador Wilson Lima anuncia pacote de ações para o município de Coari

Bruno Zanardo - Secom

“O BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) nos abriu a possibilidade de trazer investimentos como o que está acontecendo em Maués. Lá, nós estamos inaugurando o Prosai-Maués, em setembro. Estamos construindo um projeto também aqui para o município de Coari, para a recuperação do Igarapé do Espírito Santo, de requalificação daquele espaço, ampliando rede de distribuição de água e de esgotamento sanitário. Isso é importante porque no momento em que estamos investindo em saneamento, estamos economizando em saúde”, disse Wilson Lima.

 

O Governo do Estado irá investir em melhorias no setor primário do município e também nas áreas de infraestrutura, segurança e telecomunicação

O governador do Estado, Wilson Lima, anunciou, nesta quinta-feira (1º/8), um pacote de ações em Coari (distante 444 quilômetros de Manaus), que inclui melhorias no setor primário, infraestrutura, segurança e de telecomunicações do município, que faz aniversário de 87 anos nesta sexta-feira (2/8). “São investimentos que estamos fazendo no interior do Estado, mostrando o compromisso que temos com esse povo. Quero deixar meus cumprimentos a todos os moradores de Coari e reafirmar o compromisso que tenho com essa região”, afirmou o governador.

Em sua passagem pela cidade, o Wilson Lima participou da entrega de 943 implementos agrícolas, que irão beneficiar mais de 30 mil produtores rurais e fortalecer a agricultura familiar sustentável na zona rural de Coari. “É preciso que nós tenhamos a consciência de que é necessário investir em outras frentes econômicas. E o Governo do Estado tem feito isso, tem investido significativamente no setor primário, facilitando a vida desse pequeno produtor, dando condições necessárias para que ele possa produzir, fazer o escoamento e a comercialização dessa produção”, afirmou o governador.

Entre os implementos entregues estão 90 kits de casa de farinha (um tacho, tipo forno batido à mão), 350 motores, 100 kits pescador (composto por uma caixa de isopor, malha de rede, corda chumbadeira, boia, lona, facão e fio de talho), 100 kits ferramenta (composto por um terçado, uma enxada, um machado, um esmeril, um ferro de conva e uma boca de lobo) e 250 rabetas.

Ainda no setor primário, Wilson Lima assinou o Termo de Cessão de Uso da Unidade de Produção de Alevinos (UPA), que fica no Km 12 da estrada Coari-Itapeua. A UPA de Coari terá quatro tanques, com capacidade para produzir 500 mil alevinos por ciclo. Cada ciclo tem duração de aproximadamente 60 dias. Posteriormente, os alevinos serão doados aos piscicultores da região.

“O governador Wilson Lima tem viajado o interior e tem declarado que, se existe um setor que pode reagir e gerar emprego e renda, levando dignidade ao povo do interior, é o setor primário. Coari tem um potencial muito grande na produção, principalmente na piscicultura, na produção de açaí, de castanha, no extrativismo e na agricultura familiar”, afirmou o secretário de Produção Rural do Amazonas (Sepror), Petrucio Magalhães.

O secretário executivo adjunto de Pesca e Aquicultura (Sepa/Sepror), Leocy Cutrim, explica que a reativação da UPA de Coari é um processo que está sendo realizado também nas outras unidades, onde há interesse de parceiros locais em administrar o empreendimento.

Ele ressalta a importância dessa parceria entre Estado, Prefeitura e piscicultores para alavancar a produção no interior. “Neste primeiro momento, vamos fornecer os alevinos. A partir do momento em que a UPA estiver com tanques prontos e adubados, vamos realizar o cadastro da aquicultura e encaminhar as pós-larvas”, explicou Cutrim. Dentro de 45 dias vai ser entregue o primeiro lote de alevinos de tambaqui.

“Estou presenciando algo que há tempos não temos. Hoje é um dia histórico. Esperamos muitos outros benefícios para o setor primário e para Coari, porque somos um povo batalhador”, disse o agricultor Epifânio Souza, 46 anos, morador da comunidade Codajás Mirim, na zona rural de Coari.

Infraestrutura – O governador também adiantou que há um projeto sendo construído para implantar o Programa de Saneamento Integrado de Coari (Prosai-Coari), nos mesmos moldes do que está sendo realizado em Maués.

“O BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) nos abriu a possibilidade de trazer investimentos como o que está acontecendo em Maués. Lá, nós estamos inaugurando o Prosai-Maués, em setembro. Estamos construindo um projeto também aqui para o município de Coari, para a recuperação do Igarapé do Espírito Santo, de requalificação daquele espaço, ampliando rede de distribuição de água e de esgotamento sanitário. Isso é importante porque no momento em que estamos investindo em saneamento, estamos economizando em saúde”, disse Wilson Lima.

Outra novidade anunciada pelo governador foi o início da recuperação da estrada Coari-Itapeua, que aguarda apenas a finalização da licitação para que as obras iniciem. O processo está em andamento na Comissão Geral de Licitação do Amazonas (CGL-AM). O projeto de construção e pavimentação da estrada prevê a realização de serviços de terraplanagem, pavimentação, drenagem e sinalização em um total de 19,94 km de extensão.

A drenagem deverá contemplar serviços de captação de águas pluviais por meio de sarjetas e meio fio, direcionando o fluxo de água para as chamadas bocas de lobo ao longo da pista. As águas pluviais serão direcionadas para descidas e dissipadores de energia, conforme explicou o secretário de Infraestrutura do Estado (Seinfra), Carlos Henrique. A estrada vai receber ainda sinalização horizontal e vertical.

Internet – O governador também assinou Termo de Cooperação Técnica entre Prefeitura de Coari e Governo do Amazonas, por meio da Empresa Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam), para melhorar a infraestrutura de telecomunicações no município.

A cooperação vai permitir que o município tenha acesso à internet banda larga oriunda do gasoduto Coari-Manaus. Em contrapartida, o Governo do Amazonas poderá utilizar a rede do programa “Cidades Digitais” do município para conectar órgãos públicos como delegacias, hospitais e escolas.

A Delegacia e o Hospital Regional de Coari já contam com internet banda larga. Outros órgãos estaduais, presentes no município, como o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal do Amazonas (Idam) e a Universidade Estadual do Amazonas (UEA) serão conectados até o final do ano. “Tudo isso significa uma melhoria na qualidade do atendimento, uma resposta mais rápida aos cidadãos”, destacou Wilson Lima.

A ação integra o projeto Rede Estadual de Telecomunicações, que tem como objetivo abrir caminhos para que municípios do interior do Amazonas possam ter acesso à internet com melhor qualidade. “Levar internet banda larga para os municípios do Amazonas é garantir que a população do interior tenha acesso aos serviços públicos com a mesma eficiência e no mesmo tempo que a população da capital”, afirma o diretor-presidente da Prodam, João Guilherme.

Ajuda humanitária – O governador também informou que a balsa da Defesa Civil do Amazonas, com a ajuda humanitária para as famílias atingidas pela enchente, já está no município de Coari. Ao todo, 9.736 pessoas e aproximadamente 2.434 famílias serão beneficiadas com 2.919 cestas básicas, 1.946 Kits higiene, 1.946 kits kits limpeza, 1.946 redes e 10 sistemas Salta-Z, que purifica água imprópria em água potável.

Segurança – O governador destacou ainda o esforço do Estado para melhorar a segurança na região de Coari e combater o tráfico internacional de drogas. Wilson Lima adiantou que já há um plano em construção para integrar as câmeras de monitoramento da Prefeitura de Coari ao Sistema Integrado de Comando e Controle do Amazonas. A ideia é futuramente monitorar, por meio de câmeras, alguns trechos dos rios usados como rota de traficantes.

 

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2019 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença