Assembleia Legislativa do Amazonas Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Economia Educação Energia Esporte Eventos Meio Ambiente
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
18/12/2017 | 12:50 - Amazonas / Eventos

AM. Estreia de 'Ceci e a Estrela' lota Teatro Amazonas em sua estreia

Divulgação- Secom

A montagem reúne cerca de 130 artistas, entre atores, bailarinos, cantores e músicos, integrantes dos Núcleos de Teatro, Dança e Música do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, e do Corpo de Dança do Amazonas (CDA), Balé Experimental do CDA, Coral do Amazonas, Grupo Vocal do Coral do Amazonas, Madrigal Ivete Ibiapina, Amazonas Filarmônica, Orquestra Experimental da Amazonas Filarmônica, Orquestra de Violões do Amazonas e Amazonas. Musical de Natal ainda terá sessões nos dias 19, 20, 21, 22 e 23 de dezembro.

 

 

A jornada da menina Ceci, que sai com os amigos da floresta em busca de uma estrela para realizar um desejo de Natal e rever o pai, emocionou as 700 pessoas que compareceram ao Teatro Amazonas, na noite deste domingo (17/12), para a estreia do musical. O espetáculo gratuito faz parte da programação da campanha Natal com + Amor, do Governo do Amazonas, realizado por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC) em parceria com o Fundo de Promocao Social (FPS).

 

Enquanto busca a estrela, Ceci interage com o imaginário amazônico das lendas e fica sabendo mais sobre a história do nascimento de Jesus. As cenas, junto com as 17 músicas do repertório, a maioria delas inéditas, encantaram a plateia. Logo no início do musical, Ceci fica sabendo da estrela mágica e encontra os amigos Tinho, o boto, Uirá, o uirapuru, e Kaluanã, o índio guerreiro e Arati, a Vitória Amazônica e a dona Sumaumeira.

A mistura destes elementos amazônicos foi o que chamou a atenção do professor universitário Bruno Miranda. Ele contou que admirou o espetáculo por mostrar os talentos da terra e também usar as músicas regionais como o carimbó, a ciranda e o boi-bumbá.

 

Foi um espetáculo muito bem feito, maravilhoso! Mostrou toda a idiossincrasia amazônica com um tom de Natal. Isso é o bacana do concerto de Natal da Secretaria de Cultura, que tem essa pegada regional que nos encanta, que não é algo distante, é nosso. E mostra os talentos da nossa terra na encenação, na cenotécnica. Essa valorização do local é o melhor!, afirmou. Pela primeira vez no Teatro Amazonas, Victor Nascimento, de 14 anos, estava encantado com o musical.

Minha prima comentou que teria esse espetáculo e, como estou de férias, tive a oportunidade de vir. O Teatro é muito bonito, o espetáculo e as músicas são ótimas. Pretendo voltar mais vezes, disse.

 

Raimundo Oliveira levou toda a família para assistir ao espetáculo, a esposa Rosimeire, os netos João Paulo e Pedro Otávio e a filha Ana Cláudia, de 28 anos, portadora de necessidades especiais. Ele aprovou a acessibilidade do Teatro Amazonas.

 

O acesso foi muito bom desde a saída do carro até o camarote. Minha filha tem deficiência motora e não tivemos dificuldade para entrar no teatro e assistir ao espetáculo, comentou. A nossa recepção foi 100%. Raimundo era o único da família que já havia entrado no Teatro Amazonas. O teatro é muito bonito. Ficamos maravilhados! Vamos voltar mais vezes, reforçou Rosimeire.

 

Sucesso de público

O maestro Davi Nunes, que regeu a orquestra formada pelos Corpos Artísticos, ressaltou o tempo recorde em que foi montado o espetáculo e o sucesso de público do primeiro dia de sessões.

 

As composições das músicas, a coreografia, os figurinos, conseguimos fazer tudo isso em um tempo incrível e fico muito feliz de ver o público animado em uma época especial no Teatro Amazonas. Superamos vários desafios para estar aqui”, disse Davi Nunes.

 

O diretor geral do musical, Jorge Kennedy, declarou que o espetáculo emociona a todo momento e convida a todos para ir ao Teatro Amazonas e prestigiar Ceci e a Estrela.

 

A cada hora temos uma surpresa e, até o último dia de sessões, o espetáculo vai estar ainda mais maravilhoso. Quem puder vir, venha para assistir, convidou.

 

A diretora de eventos da SEC, Sissy Mendes, também destacou o sucesso do musical.

 

Acho que todos ficaram felizes com sentimento de resgate das raízes amazônicas em união com a história natalina, bíblica, do nascimento de Jesus Cristo. Foi emocionante! Todo o povo amazonense está convidado a vir assistir o espetáculo de Natal!, enfatizou.

 

Musical

Ceci e a Estrela conta a história da menina Ceci, que sai em busca de uma estrela após ouvir a história do nascimento de Jesus. A produção tem direção geral de Jorge Kennedy, direção teatral e texto de Tiago Oliveira, produção musical de Paulo Marinho e direção musical de Davi Nunes.

 

A montagem reúne cerca de 130 artistas, entre atores, bailarinos, cantores e músicos, integrantes dos Núcleos de Teatro, Dança e Música do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, e do Corpo de Dança do Amazonas (CDA), Balé Experimental do CDA, Coral do Amazonas, Grupo Vocal do Coral do Amazonas, Madrigal Ivete Ibiapina, Amazonas Filarmônica, Orquestra Experimental da Amazonas Filarmônica, Orquestra de Violões do Amazonas e Amazonas.

 

O musical também conta com participações especiais, como do cantor Zezinho Correa, que faz o pastor do sino, e da atriz Ednelza Sado, que interpreta a serva de Maria, de Kelson Nunes e Matheus Sabbá. Musical de Natal ainda terá sessões nos dias 19, 20, 21, 22 e 23 de dezembro.

Fonte: Secom

 

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2018 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença