Assembleia Legislativa do Amazonas Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Economia Educação Energia Esporte Eventos Meio Ambiente
GALERIAS VÍDEOS RÁDIO
notícias
02/01/2018 | 14:45 - Amazonas / Cidades

AM . Réveillon de Manaus reúne 350 mil pessoas em oito pontos da cidade

Manauscult

​​O ano será de muito trabalho, visto o fortalecimento institucional que passou a prefeitura ao enfrentar a crise econômica. E o Réveillon chega com esperança de dias melhores. Perc​orri ​todos os Réveillons de Manaus, passando pelo Shopping Phellipe Daou e também pelo Amarelinho, antes de vir a Ponta Negra. E também pela primeira vez ​o​ Viver Melhor​ teve apresentações musicais. Comemorando a chegada de 2018. Feliz Ano Novo para Manaus", enfatizou, acrescentando que a prefeitura se esforçou para trazer atrações nacionais e valorizando os artistas locais que animaram a festa em todos os pontos da cidade.

 

O Réveillon de Manaus com festas em oito pontos da cidade reuniu um público de 350 mil pessoas em 10 horas de festa, nas ​zonas Oeste, Leste, Norte e Sul. As celebrações que iniciaram no último dia do ano de 2017 e terminaram na madrugada de 1º de ​j​aneiro tiveram repertório variado, do forró ao reggae, passando pelo rock, música popular amazonense, boi, samba, funk, além de sertanejo e beiradão. Quatro atrações nacionais e mais de 135 artistas locais foram respo​n​sáveis pela mega festa da virada na capital amazonense.

Na praia da Ponta Negra, onde a festa da virada do ano é realizada há quatro anos, mais de 280 mil pessoas compareceram a um dos principais cartões postais da cidade. O prefeito de Manaus, Arthur V​i​rgilio Neto, acompanhado da primeira-dama ​e presidente do Fundo Manaus Solidaria, ​Elisabeth Valeiko, puxou a contagem regressiva que antecedeu o show-piromusical de dez minutos de duração. “Em 2018, o povo de Manaus será ainda mais vencedor.

​​O ano será de muito trabalho, visto o fortalecimento institucional que passou a prefeitura ao enfrentar a crise econômica. E o Réveillon chega com esperança de dias melhores. Perc​orri ​todos os Réveillons de Manaus, passando pelo Shopping Phellipe Daou e também pelo Amarelinho, antes de vir a Ponta Negra. E também pela primeira vez ​o​ Viver Melhor​ teve apresentações musicais. Comemorando a chegada de 2018. Feliz Ano Novo para Manaus", enfatizou, acrescentando que a prefeitura se esforçou para trazer atrações nacionais e valorizando os artistas locais que animaram a festa em todos os pontos da cidade.

De acordo com o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula, o Réveillon da cidade consolida-se como um produto turístico referência no Norte do País. “Temos a maior celebração de Ano Novo da Região Norte, fato que construímos desde a Copa do Mundo, quando Manaus se apresentou ao mundo como capital dos grandes eventos. Desde então, toda a expertise operacional integrada, entre órgãos municipais e estaduais vêm sendo aplicada em nossos eventos cujo sucesso é crescente”, afirmou.

Durante toda a festa, o clima foi de muita alegria e diversidade para receber 2018. Na plateia, idosos, crianças, adolescentes, dividiram espaço na areia da Ponta Negra para receber o ano novo, numa festa das cores.

O Réveillon da Ponta reuniu um efetivo de 200 policiais militares, 30 bombeiros, 15 bombeiros civis,150 guardas metropolitanos,185 seguranças privado, 180 agentes do Manaustrans, entre outros profissionais.

As atrações nacionais Raça Negra e Onze:20 levaram o público ao delírio já nas primeiras horas do dia 1º. Para Luiz Carlos, vocalista do Raça Negra foi uma alegria se apresentar para o público de Manaus, durante a virada do ano.

​Energia​

Já o vocalista da banda Onze:20, Vittin, destacou a experiência de fazer uma festa de Réveillon para milhares de pessoas às margens do Rio Negro. “É uma experiência nova e gostosa. Recebemos uma energia maravilhosa desde a nossa chegada ao aeroporto, até o momento do show. O carinho dos fãs é maravilho. Recebemos cartas, presentes, faixas. Essa troca é incrível”, comentou.

Entre uma atração e outra, a DJ May Seven agitou a galera com música eletrônica e funk. Às 4h, a banda amazonense ‘Forrozão Já Quero’ subiu ao palco da Ponta Negra para finalizar a festa da virada da Zona Oeste.

Zona Leste

Com muita simpatia, a cantora Valesca subiu no palco do Shopping Phellipe Daou, por volta das 0h45 deste dia 1°. A cantora não escondeu a felicidade em passar a virada do ano na capital do Amazonas. "De Manaus para o Rio são duas horas de diferença, né? Mas eu tenho um carinho imenso pelo povo daqui e passar esse início de ano com vocês é uma honra", disse a Valesca. Mais de 25 mil pessoas lotaram o novo espaço de compras e eventos da Zona Leste.

O show de uma das musas do funk brasileiro teve duração de uma hora e agitou o público com hits como "Eu sou a Diva que Você quer Copiar", "Beijinho no Ombro" e "Agora eu sou Solteira". Seis fãs subiram ao palco para dançarem com ela. O público escolheu as duas melhores performances que foram agraciadas pela cantora com presentes de sua linha de acessórios. A estudante Kaira Cristina, de 15 anos, não foi uma das ganhadoras, mas realizou um sonho. "Quando ela me chamou pra subir eu quase desmaiei. Ela é linda demais, maravilhosa. Realizei um sonho!", disse, eufórica, a estudante.

As apresentações seguiram no shopping com Toinho e Forró Show e a cantora Jôci Carvalho, que encerra a festa na Zona Leste da Cidade.

O Réveillon do Shopping Phelippe Daou reuniu um efetivo de 440 policiais militares, 40 bombeiros, 42 agentes do Manaustrans, entre outros órgãos.

Zona Sul

O samba do cantor Neguinho da Beija Flor contagiou o público de mais de 15 mil pessoas no Amarelinho, ainda nos primeiros minutos de 2018. “Estou super feliz pelo convite, pelo convite do prefeito Arthur. Eu e Marquinhos Lessa fomos convidados para cá porque este é um dos bairros mais sambistas da cidade de Manaus. Estamos aqui fazendo um trabalho para um bairro sambista, boêmio. Tudo ocorreu bem e agradou a rapaziada”, comentou Neguinho.

O Réveillon do Amarelinho contou como efeito de 139 policiais militares (incluindo fluvial), 20 bombeiros, entre outros.

Virada nos bairros

Os bairros Mauazinho e a comunidade Bela Vista, na​z​ona Leste, reuniram mais de 2 mil pessoas. Na Colônia Antônio Aleixo, 10 mil pessoas curtiram a virada do ano. Já no bairro Crespo, 5 mil deram boas-vindas a 2018. Todas as festas contam com o apoio estrutural da Prefeitura de Manaus.

Com show de Wanderley Andrade, o conjunto Viver Melhor, na​z​ona Norte, festejou o ano novo com um público de 15 mil pessoas. O eletricista Vandison Pereira destacou a grandiosidade do evento e a presença do público. “Este é o primeiro ano que o Réveillon acontece assim, de forma grandiosa, graças ao apoio da Prefeitura. Não esperávamos tanta gente. Graças a Deus deu tudo certo, sem confusão e com segurança. O Viver Melhor hoje é só alegria”.
 

Fonte: Semcom

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2017 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença