Assembleia Legislativa do Amazonas Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Economia Educação Energia Esporte Eventos Meio Ambiente
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
07/03/2019 | 19:47 - Amazonas / Educação

AM . Escolas poderão se candidatar até a próxima sexta-feira (15)

Cleudilon Passarinho / Seduc-AM

O professor afirmou que a Olimpíada tem dois diferenciais: além da descoberta de novos talentos para a Matemática, também há o incentivo didático e financeiro para os destaques na competição. Conseguimos melhorar a qualidade de ensino da disciplina, com a formação de professores e estudantes, com formações específicas e projetos, dados pela própria OBMEP, explicou.

 

 

Mais de 30 municípios no interior receberam hoje (07/03) orientações sobre a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). Os professores Disney Douglas (Ufam), Jander Freitas e Rafael Ferreira (Seduc-AM) passaram instruções aos professores e gestores das escolas localizadas nos municípios do Amazonas, por meio do Centro de Mídias da Secretaria de Estado de Educação (Cemeam).


As inscrições para a OBMEP terminam no próximo dia 15 e devem ser realizadas no site http://www.obmep.org.br/, até às 22h (horário de Manaus), segundo o coordenador regional, Disney Douglas, docente da Universidade Federal do Amazonas (Ufam).


O professor afirmou que a Olimpíada tem dois diferenciais: além da descoberta de novos talentos para a Matemática, também há o incentivo didático e financeiro para os destaques na competição. Conseguimos melhorar a qualidade de ensino da disciplina, com a formação de professores e estudantes, com formações específicas e projetos, dados pela própria OBMEP, explicou.


Educadores e medalhistas são convidados a participar do Programa de Iniciação Científica Jr (PIC) e o OBMEP na Escola. Nos dois projetos, alunos e professores recebem capacitação especial em matemática, além de receberem bolsa (auxílio financeiro) por oito meses.


Capital e interior

Os números de medalhas de ouro na Olimpíada são superiores na capital, em relação ao interior. Para equilibrar este quadro, o professor Jander Freitas, da secretaria executiva adjunta do interior da Seduc-AM, assinalou que a Secretaria irá fortalecer a comunicação com os municípios a fim de superar este gargalo.


Temos a missão de fortalecer a comunicabilidade entre as escolas e coordenadores para que possamos incentivar o corpo docente e discente a participar de atividades como a OBMEP. Sabemos que há estudantes e educadores aplicados, porque temos mais de 200 mil alunos inscritos na Olimpíada Amazonense de Matemática (OAM), somando as três edições já realizadas, salientou Freitas.


O professor também assinalou que a OBMEP e a OAM resultam em melhor socialização da Matemática, identificação de talentos e quebra de paradigma de que a disciplina é um grande problema na Educação, "quando, na verdade, é a solução para que os problemas do dia a dia sejam resolvidos e cada vez mais compreendidos".


Rafael Ferreira, do Departamento de Políticas e Programas Educacionais (Deppe) da Secretaria de Educação destacou a importância dos professores e gestores na Olimpíada, desde o início da competição (quando há as inscrições dos alunos) até a coordenação da equipe escolar e a mobilização de estudantes.


Para que um aluno chegue a ser medalhista de ouro, prata ou bronze, tem todo um trabalho fundamental, tanto do gestor quanto do coordenador e demais professores da escola, que estarão trabalhando com os estudantes para que tenham sucesso e êxito na OBMP 2019, enfatizou. 

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2019 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença